TudoSobreTudo

segunda-feira, 24 de julho de 2017

Descubra o tom de loiro ideal para seu cabelo

Cada tom de pele requer um loiro diferente, veja as dicas do especialista para escolher o certo


As mulheres adoram mudar o estilo. E quando pensam nisso, a primeira coisa a que recorrem são os cabelos, seja para um novo corte ou uma nova cor. Os tons de loiro são os preferidos nas ruas e nos salões. Mas se engana quem pensa que eles só combinam como as peles mais claras. “Isso não tem nada a ver”, afirma a hairstylist Viviane Siqueira, do Pierre Louis Coiffeur, no Rio de Janeiro.
“Basta escolher o tom certo e a melhor técnica, de acordo com o tipo de pele e o corte de cabelo. Mesmo quem em a pele mais clara precisa saber o que fica melhor, pois o loiro deve iluminar o rosto e não apagá-lo. Para as morenas que desejam se tornar loiras, sugiro que comecem com algum tipo de mecha para ir clareando os fios aos poucos e se adaptando à nova cor”, diz Viviane.
Em todos os casos, o primeiro passo é descolorir os fios, para depois colori-los novamente. Como em todo processo químico, o cabelo acaba sendo prejudicado.
“O processo de descoloração sempre agride um pouco o cabelo, por isso o profissional deve ser muito bem escolhido, para que o procedimento seja feito da forma correta, deixando os produtos agirem no tempo certo nos cabelos, de forma a danificar o mínimo possível. Para quem for colorir em casa, é preciso ter muita atenção às instruções e respeitar sempre o tempo da química no cabelo”, orienta.

Acerte no tom

Não existe regra fixa, mas sim diferentes nuances da cor que valorizam mais a aparência, de acordo com cada tom de pele:
  • Para peles branquinhas: louro claro ou muito claro irisado e o louro pérola.
  • Para peles rosadas: louro muito claro acinzentado, muito claro cinza profundo ou cinza dourado.
  • Para peles mais amareladas: louro claro dourado, natural dourado ou escuro dourado.
  • Para peles morenas claras: louro claro ou escuro natural frio.
  • Para peles morenas escuras: louro claro ou escuro dourado acobreado e o escuro dourado irisado.
  • Para peles mulatas ou negras: louro acinzentado, louro escuro cinza profundo ou louro escuro acinzentado.

Conheça cada técnica

Além das tonalidades, existem também diferentes técnicas que criam vários efeitos. Uma das mais conhecidas são as luzes, indicadas para quem quer um leve clareamento nas pontas. “Elas podem ser feitas em qualquer tipo de cabelo e são mais discretas, mais finas, e normalmente não são tão claras, podendo ressaltar o contorno do rosto para valorizá-lo e iluminá-lo”, explica a hairstylist.
Também muito conhecida, a balayage é a técnica perfeita para as mulheres que vivem bronzeadas e não abrem mão do sol. É feita uma uma combinação de loiros quentes e frios, em mechas espalhadas aleatoriamente no cabelo.
Outra técnica que está em alta são as mechas californianas, em que a raiz é excluída e os fios são puxados do meio para as pontas, marcando bem as mechas loiras para dar um efeito de queimado de sol. São ideais para destacar o corte e acentuar o movimento e podem ter um efeito mais sutil, como o chamado sunkiss, para quem quer dar apenas uma clareadinha nas pontas, ou o ombré hair, em que as mechas são clareadas em diferentes tons de loiro.
Semelhantes às mechas californianas, as mechas texanas são feitas somente ao longo da extensão do cabelo, mas também excluindo a raiz. “A aplicação faz um degradê, começa mais forte nas pontas e vai subindo os fios, mas o loiro também pode ficar mais marcado durante toda a extensão da mecha, vai depender de como a cliente quer”, explica.
O <strong>reflexo</strong> é usado para deixar o cabelo com um aspecto natural. A <a href="http://www.dicasdemulher.com.br/diferenca-entre-luzes-mechas-e-reflexos/">técnica</a> consiste em pintar varias mechas pequenas do cabelo com um tom mais claro que o da raiz. O efeito é um cabelo iluminado por total.
Para obter um <a href="http://www.dicasdemulher.com.br/ombre-hair/">efeito degradê nos cabelos</a>, a técnica do <strong>ombré hair</strong> é a mais indicada. O cabelo é clareado em diferentes alturas, com diferentes tamanhos de mechas para deixá-lo o mais natural possível.
As <strong>mechas californianas</strong> também são conhecidas como o cabelo com efeito de praia. A técnica se baseia em clarear os cabelos do meio para as pontas, dando um aspecto de cabelo queimado pelo sol. A <a href="http://www.dicasdemulher.com.br/mechas-californianas/">californiana</a> é indicada para mulheres de cabelos castanhos mais claros ou loiro escuro para que o contraste de cores não seja muito grande.
As <strong>luzes espanholas</strong> servem para aquelas mulheres que querem mudar o visual sem danificar muito os cabelos. A <a href="http://www.dicasdemulher.com.br/luzes-espanholas/">técnica</a> consiste em aplicar a tinta no cabelo com a ajuda de um pente assim a quantidade de produto depositada é menor, agredindo menos os fios e dando um leve toque de brilho.
A técnica das <strong>luzes no cabelo</strong> consiste em puxar os fios com a ajuda de um pende fino ou uma touca própria. As morenas podem fazer <a href="http://www.dicasdemulher.com.br/diferenca-entre-luzes-mechas-e-reflexos/">luzes</a> com um tom mais escuro, já as loiras um tom mais claro.
A <strong>balaiagem</strong> consiste em mechas mais grossas que partem do topo do cabelo até as pontas. A <a href="http://www.dicasdemulher.com.br/balaiagem-nos-cabelos/">técnica</a> é realizada com a ajuda de papel alumínio e pode ser utilizada por mulheres de cabelos de todas as cores, pois ela mistura vários tons de loiro.
A técnica das <strong>mechas no cabelo</strong> consiste em clarear apenas partes isoladas. O efeito é menos sutil e é indicado que a cor da <a href="http://www.dicasdemulher.com.br/diferenca-entre-luzes-mechas-e-reflexos/">mecha</a> não seja muito diferente da raiz para não ficar um contraste muito aparente.

Aprenda a cuidar dos cabelos loiros

Depois de conquistar a cor tão sonhada, os cuidados precisam ser constantes para que os fios continuem bonitos. A dica da hair stylist é hidratar muito, sempre. “Recomendo utilizar produtos para cabelos descoloridos e proteger os fios quando for se expor ao sol, com chapéu e filtro solar. É bom tratar no salão e fazer reconstrução pelo menos uma vez por mês. E a 15 dias, hidratar em casa, com uma boa máscara de tratamento”, finaliza.

Exames obrigatórios para manipuladores de alimentos

EXAMES OBRIGATÓRIOS PARA MANIPULADORES DE ALIMENTOS


Manipular alimentos não é uma tarefa tão fácil quanto parece. Afinal, quando se tem um restaurante, transmitir Doenças Transmitidas por Alimentos, as famosas DTAs, aos consumidores pode resultar em um sério problema de saúde pública. Por isso, é de extrema importância ficar atento à saúde de cada funcionário de seu estabelecimento e a melhor maneira disso acontecer é fazer exames periodicamente, pois, somente assim é possível identificar com antecedência qualquer condição inadequada que impeça que o contratado exerça sua devida função.
Além disso, esta é uma maneira de assegura-los e garantir a integridade física de cada um, evitando futuras complicações. Nesta matéria te contaremos quais exames precisam ser realizados pelos os manipuladores de alimentos e sua periodicidade. Continue lendo para descobrir!

O que é PCMSO e PPRA?

O QUE É PCMSO E PPRA?
Os dois programas estão relacionados com a saúde e a segurança das colaboradores. Esses programas são obrigatórios a todas as empresas conforme as legislação do Ministério do Trabalho, NR 7 e NR 9, respectivamente.
O PPRA é o Programa de Prevenção dos Riscos Ambientais e seu objetivo é localizar riscos existentes de acordo com as atividades realizadas no estabelecimento, e apresentar recursos de controle, ou seja, o PPRA estabelece um sistema de prevenção para garantir a preservação da saúde e, claro, da integridade de cada trabalhador, já que o ambiente de trabalho pode oferecer diversos riscos.
Após a identificação dos riscos conforme as atividades é necessário implementar: o PCMSO, que é o Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional e tem a função de identificar quais exames de saúde cada colaborador precisa realizar conforme a função exercida. Todo empregador precisa ficar atento e não deixar de exigir esse controle.
Vale ressaltar que os exames devem ser solicitados por um médico especialista em medicina do trabalho: só ele é capaz de identificar todas as exigências necessárias. Alguns dos exames são: admissionalperiódicoretorno ao trabalhomudança de função e demissional.
Ambos os programas devem ser realizados anualmente, já que eles se complementam. Entenda: o PPRA identifica os riscos existentes e propõe medidas de controle. Já o PCMSO descreve quais exames de saúdes serão necessários par controlar os efeitos dos riscos expostos.
Resumindo: é necessário que os trabalhadores que mantêm contato com alimentos realizem exames médicos e laboratoriais antes de iniciar suas atividades e, periodicamente, após tê-las iniciado. Além disso, exames também devem ser realizados quando o funcionário estiver com suspeita de alguma infecção.

Quais são os exames exigidos pela Anvisa?

QUAIS SÃO OS EXAMES EXIGIDOS PELA ANVISA?
Atualmente, a legislação sanitária municipal, a Portaria 2619/11 recomenda: Os exames de coprocultura e o coproparasitólogico, que devem ser realizados semestralmente para aqueles que manipulem diretamente os alimentos ou participem diretamente da distribuição e oferta de refeições e anualmente para aqueles envolvidos exclusivamente com atividades nas quais os alimentos encontrem-se totalmente embalados.
Os Atestados de Saúde Ocupacional – ASOs com indicação da realização dos exames laboratoriais de coprocultura e coproparasitológico ou cópia destes, devem permanecer no local de trabalho.
A Legislação sanitária Federal, a Resolução RDC 216/04 recomenda: O controle da saúde dos manipuladores deve ser registrado e realizado de acordo com a legislação específica.

Afinal, qual a periodicidade desses exames?

AFINAL, QUAL A PERIODICIDADE DESSES EXAMES?
Vale ressaltar que a periodicidade varia de acordo com cada região. No município de São Paulo é necessário realizar os exames semestralmente, já fora do município é preciso realiza-los anualmente.

O que acontece se não forem realizados?

O QUE ACONTECE SE NÃO FOREM REALIZADOS?
Lembre-se! Segundo a Legislação, o estabelecimento/empresa que obtiver qualquer pendência ou não realizar esses exames obrigatórios em seus funcionários poderá pagar algumas multas e também será autuado junto aos órgãos fiscalizadores. Portanto, não deixe de exigi-los e garanta a proteção do seu negócio!
Você exige esses exames dos seus funcionários? Acredita que eles fazem diferença para a integridade do seu estabelecimento? Nós queremos saber! Não se esqueça de seguir nosso blog para ficar por dentro das principais noticias!
Para maiores orientações, contá-te nos.

domingo, 23 de julho de 2017

Inteligência emocional: saiba o que é essa habilidade e como ela pode te ajudar

A capacidade de compreender e saber lidar com as emoções afeta sua vida em vários aspectos, além de ser um ponto essencial para o sucesso pessoal e profissional

Imagem relacionada
Sabe aquelas pessoas admiráveis, que dão os melhores conselhos, com quem é agradável conversar, que sabem ouvir e normalmente estão cercadas de amigos? Elas normalmente têm uma coisa em comum: uma alta inteligência emocional.
Sua inteligência emocional está funcionando a todo instante e é um dos principais ingredientes para o sucesso no trabalho, nas relações e para a automotivação. Uma pessoa inteligente emocionalmente tem uma maior percepção dos seus sentimentos e dos outros e sabe lidar com eles.
Por outro lado, pessoas que não trabalham suas capacidades de inteligência emocional geralmente apresentam dificuldades de relacionamento, de adaptação à mudanças, de lidar com situações imprevistas, maior dificuldade para encontrar soluções eficientes na resolução de problemas, são mais impulsivas, intolerantes e estressadas, explica William Ferraz, master coach especialista em Neurolinguística e Inteligência Emocional do Instituto IDEAH de São Paulo.
Trabalhar a inteligência emocional é tão importante quanto a inteligência cognitiva e é o que nos faz crescer como indivíduos. Estabilizar as emoções e, consequentemente, as ações, ajuda na busca pelo sucesso tanto pessoal quanto profissional.

Afinal, o que é inteligência emocional? 

Dentre tantas definições, a inteligência emocional pode se resumir à capacidade de perceber, saber lidar e controlar as próprias emoções, assim como saber perceber e se relacionar com as emoções dos outros. Ela também está relacionada com a conformidade entre pensamentos e ações.
“Por muitos anos, a inteligência de um indivíduo foi avaliada pelo valor do QI (Quociente de Inteligência). Acreditava-se que pessoas com maior QI possuíam maior chance de alcançar sucesso na vida. Entretanto, vários estudos comprovaram que isso não é totalmente verdadeiro, pois algumas pessoas com o QI abaixo da média conseguiam obter sucesso, enquanto outras com elevado QI não eram bem sucedidas. Estudos feitos com pessoas bem sucedidas que apresentavam valores de QI mais baixos mostraram que algumas características emocionais eram essenciais. Assim surgiu um novo conceito que evidencia que o sucesso consiste no produto da somatória do QI e QE”., explica o especialista.

Quais as vantagens de cultivar essa “habilidade”?

O master coach William Ferraz aponta que uma pessoa emocionalmente inteligente não tem dificuldades para fazer amigos e nem de se relacionar com os outros de forma harmoniosa e produtiva. “Ela persiste quando está frente a um novo desafio, não desistindo nas primeiras dificuldades. Consegue superar seus sentimentos de frustração quando alguma coisa não dá certo e procura aprender com as experiências negativas. Consegue expressar suas opiniões de forma clara e se sente segura diante das outras pessoas”.
Sendo assim, a inteligência emocional é composta basicamente pelas seguintes habilidades:
Autoconhecimento: ter uma visão realista de si mesmo, com adequada percepção de suas potencialidades e limitações, ajuda na inserção social e na autoaceitação.
Relações pessoais: por ter uma maior sensibilidade social, uma pessoa emocionalmente inteligente não costuma perder a paciência com as pessoas de quem gosta. Se perde, logo recupera e se arrepende. Assim, os laços afetivos tendem a ser mais sinceros e confiáveis.
Autocontrole: perceber e saber controlar suas emoções, mantendo a calma nos momentos difíceis, é um ponto essencial para que suas atitudes estejam de acordo com suas intenções.
Estabilidade: conseguir manifestar suas emoções de acordo com as pessoas e situações de forma correta e no momento oportuno.
Automotivação: capacidade de focar os sentimentos na realização de uma meta pessoal, sem deixar que as frustrações desviem a motivação.
Em geral, uma pessoa com inteligência emocional aguçada leva uma vida mais consciente e dinâmica. Isso ocorre porque a sua percepção diante dos fatos e acontecimentos é perspicaz e generosa, pois busca aprender. Esse aprendizado traz diversas vantagens à vida prática e afetiva.

Como exercitar e melhorar sua inteligência emocional

Felizmente essa é uma habilidade que pode ser adquirida e sempre melhorada. É possível aumentar o nível de inteligência emocional cultivando hábitos e atitudes simples, mas que devem partir de um trabalho constante e sincero.
Converse sobre seus sentimentos: procure compartilhar mais seus sentimentos e ideias com amigos, confidentes, com o psicólogo e com o espelho. Falar sobre as emoções com pessoas confiáveis faz com que novas percepções sejam descobertas. Não esconda seus sentimentos ou tente fingir que não os sente.
Aprenda com os erros: a melhor coisa de um erro ou frustração é a lição que eles trazem. É aquela velha história, não dá para esperar resultados diferentes se a gente sempre faz tudo igual. Procure aprender com todas as experiências, mesmo que sejam negativas, evitando repetir situações que promovam frustrações.
Escute mais: ouça mais e fale menos. Saiba gostar até mesmo de particularidades que outras pessoas apresentam e que você critica. Evite classificar anteriormente o que você acha que o outro vai dizer. O exercício de escutar tem um efeito incrível de empatia mútua.
Faça uma autoanálise: converse mais consigo mesma e se esforce para ser sincera nesta conversa. E não deixe de escutar o que os outros têm a dizer com sinceridade sobre você.
Mais empatia, por favor: um dos primeiros passos para a inteligência emocional é compreender que as pessoas são diferentes. Por isso, entender as pessoas e seus sentimentos vai fazer com que você possa entender melhor o seu lugar. Treine seus sentimentos de empatia e aprenda a observar com mais respeito os defeitos de outras pessoas.
Agora que você já entendeu melhor o que é a inteligência emocional e porque ela é tão importante, como você acha que está nesse aspecto? Sempre é uma boa hora para aprender e se renovar. E você só tem a ganhar!

    quinta-feira, 20 de julho de 2017

    3 receitas caseiras e naturais para manter a pele jovem

    Ter uma pele mais bonita, jovem e saudável é uma das principais buscas das pessoas desde os tempos mais antigos, dentre os mais variados povos.
    E nos dias de hoje, não é diferente.
    Ainda queremos alcançar a pele perfeita, por isso, diversos tratamentos e cremes foram criados e estão disponíveis no mercado, muitas vezes por um preço bem salgado.
    Mas você sabia que existem receitas caseiras e naturais para manter a pele jovem e radiante?
    Separamos aqui algumas das melhores receitas caseiras que irão ajudar você a cuidar da sua pele e alcançar aquela aparência jovial tão desejada, confira logo abaixo.
    3 receitas caseiras e naturais para manter a pele jovem

    1 – Receita caseira usando chá verde

    O famoso chá verde, muito consumido em países orientais, ficou conhecido por ser uma bebida com diversas propriedades que nos ajudam a ter uma saúde melhor.
    Entre essas qualidades, podemos destacar o fato de ele ajudar a combater o envelhecimento, o que o torna um bom ajudante para mantermos nossa pele jovem.
    Para fazer essa receita você irá utilizar:
    • Chá verde de saquinho convencional, vendido na maioria dos supermercados.
    • 2 colheres de chá de azeite de oliva extra virgem.
    Como fazer e aplicar:
    A execução é muito simples, basta ferver um pouquinho de água, a quantidade que baste para você depositar em seu rosto.
    Após a fervura, despeje a água em um copo ou caneca com o saquinho do chá e deixe-o mergulhado na água por alguns minutos.
    Lave bem o rosto e quando o chá esfriar, pegue o saquinho do chá verde e aplique suavemente no rosto e pescoço, com cuidado para que o saquinho não rasgue.
    Quando terminar, reserve o saquinho e misture o azeite de oliva extra virgem com o restante do chá que sobrou no copo.
    Com essa misturinha, faça uma massagem na pele, pressionando com a ponta dos dedos em direção aos cabelos por diversas vezes.
    Após terminar a massagem, lave bem o rosto para retirar totalmente o azeite de oliva.
    Faça essa receita caseira e natural uma vez por semana e você verá como sua pele estará rejuvenescida.

    2 – Receita caseira usando farinha de arroz

    Outro ingrediente muito utilizado na Ásia é a farinha de arroz.
    Existe até uma lenda que as gueixas faziam uso dessa receita para manter a pele jovem e sedosa.
    Ajuda a fazer uma boa esfoliação caseira, combatendo a oleosidade, a acne e até auxiliando a eliminação de manchas no rosto.
    Para essa receita você irá utilizar:
    • De 2 a 3 colheres de sopa de farinha de arroz.
    • 2 colheres de sopa de leite integral
    Como fazer e aplicar:
    Em um recipiente, misture a farinha de arroz e o leite até obter uma consistência de mingau.
    Aplique a mistura diretamente na pele, que deve estar devidamente limpa.
    Você pode utilizar um pincel de base para aplicar essa mistura em seu rosto.
    Evite a região dos olhos.
    Deixe a mistura secar na pele por aproximadamente 20 minutos.
    Passado esse tempo, lave seu rosto com sabonete, fazendo movimentos circulares.
    Sua pele se manterá jovem e bonita se você repetir esse processo a cada 15 dias ou pelo menos uma vez ao mês.

    3 – Receita caseira usando clara de ovo

    O ovo é um dos ingredientes que sempre aparecem nas receitas caseiras e naturais para os mais diversos fins.
    Nessa receita você irá utilizar apenas a clara.
    Essa receita caseira proporciona um efeito “botox” na pele.
    Para essa receita você irá utilizar:
    • A clara de um ovo (Se o ovo for muito pequeno, pode utilizar 2 claras).
    • 2 colheres de chá de amido de milho.
    • Uma gota de azeite de oliva extra virgem.
    Como fazer e aplicar:
    Bata a clara até que fiquei branca (porém não precisa atingir o ponto de neve), adicione o amido de milho e misture bem até que todo o amido se dissolva.
    Depois, adicione a gota de azeite de oliva extra virgem e misture novamente.
    Com o rosto bem limpo, aplique a mistura em toda a pele e deixe agir por 15 minutos.
    Após esse período, lave bem o rosto com sabonete e retire completamente a mistura.
    É indicado fazer essa receita pelo menos uma vez por semana, para obter um melhor resultado.
    Lembre-se sempre que para manter a pele jovem, é necessário fazer os procedimentos sem grandes pausas.
    Se você dedicar pelo menos um dia da semana para fazer qualquer uma dessas três receitinhas caseiras e não esquecer de hidratar a pele diariamente, você certamente terá uma pele linda e evitará as temidas rugas.

    Suco antiansiedade faz milagre e ajuda emagrecer até 35 kg: aprenda fazer

    Você já imaginou que o ganho de peso não está ligado somente a alimentação? A dieta associada ao chamado suco antiansiedade acredita nisso e observa que ao ajudar a diminuir a sensação de estresse em que a pessoa vive contribui para o seu emagrecimento saudável.
    Então vamos conferir como esse suco vem mudando a vida de tantas pessoas?
    suco antiansiedade emagrece até 35 kg

    Suco antiansiedade emagrece mesmo

    Sandra é uma mulher normal, como tantas outras, que precisam trabalhar fora e ainda cuidar de filhos pequenos.
    Quem vive essa rotina, cheia de preocupações e culpa, por não ter muito tempo para as crianças, sabe como pode ser extenuante.
    Aos 30 anos Sandra tinha um negócio de venda de hambúrgueres e sorvete bem-sucedido e dois filhos, o mais novo recém-nascido.
    O estresse de estar frente de um negócio cheio de questões para resolver, bem como ter a responsabilidade com o filho que havia acabado de nascer, fez com que o ganho de peso se tornasse uma constante.
    A segunda gravidez adicionou mais 15 kg ao peso de Sandra e os lanches que ela vendia (e ficava tentada a comer) outros tantos quilos.
    Chegou o momento em que ela estava pesando 98 kg e então percebeu que algo estava muito errado.

    A saída para perder peso

    A autoestima de Sandra estava abalada assim como a sua saúde já que ela não conseguia nem ficar em pé por uma hora sem sentir dores terríveis nas pernas.
    O primeiro pensamento dela foi seguir os passos da cunhada Cris que passou por cirurgia de redução de estômago para perder peso.
    O que ela não sabia, e que Cris lhe contou depois, é que a cirurgia não foi boa para ela.
    Cris não aprendeu como controlar a sua ansiedade e com isso não conseguia se alimentar de acordo com o novo tamanho do seu estômago.
    Isso levava a cunhada de Sandra a passar muito tempo no banheiro colocando para fora toda a comida extra que comia sem parar.
    Foi então que Sandra entendeu que a melhor saída era atacar o problema em sua raiz, isto é, o que a fazia comer tanto.

    A Virada

    Ouvindo o que a cunhada contou, Sandra percebeu que o grande problema das duas com a comida podia ser resumido numa única palavra: ansiedade.
    Ela então lembrou de uma tia que durante um tempo frequentou um grupo chamado “Amigos do Peso”.
    A principal mensagem do grupo era que se podia controlar a vontade de comer alimentos hipercalóricos consumindo alimentos naturais.
    Em 2009 Sandra entrou para o grupo e depois de sair dos 98 kg para os 63 kg estampou a capa de uma revista chamada Sou Mais Eu que valoriza anônimos que conseguiram dar a volta por cima na vida.

    E o suco antiansiedade?

    O papel do suco antiansiedade foi ajudar Sandra a evitar comer os lanches que preparava na sua lanchonete.
    Ela sabia que às 15h o movimento aumentava e junto com o estresse vinha a vontade de comer sanduíches gordurosos e sorvetes muito calóricos.
    O suco além de ter ingredientes que ajudam a aumentar a saciedade e limpar as toxinas do organismo funciona como uma válvula de escape para a ansiedade que ela sente.

    O emagrecimento

    Os bons resultados que Sandra obteve foram uma combinação de reeducação alimentar, exercícios (ela passou a caminhar 1 hora por dia nas ruas do bairro) e determinação.
    Os primeiros três meses fizeram Sandra “secar” rapidamente, pois ela eliminava uma média de 2 kg por semana.
    Nos meses seguintes a média caiu para 1,5 kg, mas ela não desanimou, e 11 meses depois chegou a 65 kg que era o seu ideal.
    Atualmente Sandra pesa 63 kg e se orgulha de não ter tomado medicamentos e nem feito cirurgia.

    Receita do suco antiansiedade

    suco antiansiedade ajuda emagrecer até 35 kg

    Ingredientes

    ½ pepino (do tipo caipira)
    1 litro de água (que deve estar gelada)
    3 folhas de couve-manteiga
    Caldo de 1 limão-taiti
    2 gotas de adoçante

    Como fazer

    O pepino e a couve devem ser bem lavados e picados, depois de ter feito isso coloque-os no liquidificador e bata com a água até chegar a uma mistura homogênea.
    Coloque o adoçante e se desejar pode levar para a geladeira pelo período de um dia.

    Mas, o suco antiansiedade acalma mesmo?

    A explicação do fato desse suco ser realmente antiansiedade é levar couve. Para se ter uma ideia, essa verdura é capaz de aumentar a sensação de saciedade porque engrossa a capa da mucosa do interior do estômago.
    Quando essa camada está reforçada é bem menor a probabilidade de comer por gula.
    O fluxo do intestino melhora assim como o tempo de digestão. Pepino ajuda a reforçar o efeito de suco emagrecedor já que elimina toxinas e a retenção de líquidos.

    Dicas extras – Outros sucos para melhorar sua ansiedade

    suco antiestresse

    Receita de suco antiestresse – Ingredientes

    1 litro de água (que deverá estar gelada)
    1 maracujá
    2 folhas de couve
    1 limão
    Adoçante a gosto

    Como fazer

    Bata tudo no liquidificador, adoce com o adoçante, peneire e beba. Se quiser pode deixar na geladeira por um dia.
    Beba quando se sentir muito estressada.

    Receita de suco detox para eliminar gorduras localizadas

    Receita de suco detox para eliminar gorduras localizadas

    Ingredientes

    1 fatia de abacaxi
    ½ maçã que deverá estar sem sementes
    200 ml de água
    1 colher de sopa de gengibre

    Como fazer

    Você deverá colocar todos os ingredientes no liquidificador e bater.
    Beba esse suco ainda em jejum já que esse é o momento mais propenso a absorver os nutrientes do suco.
    Com a receita do suco antiansiedade, e o exemplo de uma pessoa que emagreceu 35 kg controlando o que come, esperamos que você tenha se motivado.